As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

ONG contabiliza número de mortos na guerra civil síria

Redação Internacional

08 de setembro de 2013 | 06h00

Por Fernanda Simas

O número de mortos no conflito sírio passa de 100 mil, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU). Parte dessa contagem vem das análises da ONG Human Rights Data Analysis Group, que atua estudando dados obtidos na Síria há um ano e meio.

O trabalho de checagem dos nomes e circunstâncias das mortes é realizado por grupos atuantes na Síria. Segundo a coordenadora do trabalho da HRDAG no país, Megan Price, oito equipes reúnem informações na Síria e elaboram listas, que depois são confrontadas por ela, utilizando também dados do governo de Bashar Assad, para se ter o relatório final.

No gráfico abaixo, do documento de junho deste ano, estão os números de mortos na guerra civil desde março de 2011, a partir dos relatos obtidos por cinco equipes:

grafico.jpg

A ONG precisou confrontar os dados das equipes para evitar duplicidade de casos – que ocorre por erro ao informar a grafia do nome das vítimas aos investigadores ou por relatos do mesmo ataque para mais de um grupo.

A partir das análises da ONG também é possível determinar o número de mortos em cada região da Síria, como mostra o gráfico abaixo, também resultado do relatório de junho de 2013:

grafico2.JPG

Após receber as oito listas, Price faz a checagem e emite um relatório completo sobre a situação.  A coordenadora conta que se sente mais conectada com a situação dos sírios depois que começou a atuar no projeto. “Estou geograficamente longe do local (Síria), mas quando converso com sírios e pergunto como e por que foram para outro país, a história sempre é forte. É como se um parente meu tivesse sido morto ou tivesse sido preso. Ou como se eu tivesse sido presa. Toda a situação mexe muito comigo.”