Passageiro grava a si mesmo em avião nos EUA após falha na turbina
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Passageiro grava a si mesmo em avião nos EUA após falha na turbina

Marty Martinez acessou o Wi-Fi da aeronave pouco antes de ela cair para enviar uma mensagem às ‘pessoas que amava’, no que pensou ser os últimos momentos de sua vida

Redação Internacional

18 de abril de 2018 | 12h06

Um dos passageiros do voo 1380 da Southwest Airlines, um Boeing 737 que viajava com 144 passageiros e 5 tripulantes e foi obrigado a fazer um pouso de emergência na Filadélfia na terça-feira 17, publicou fotos e vídeos da aeronave caindo em sua conta no Facebook.

+ Avião militar cai na Argélia e mata mais de 200 pessoas

+ Dois texanos e uma argentina estão entre mortos de queda de helicóptero em NY

A aeronave teve uma falha na turbina esquerda pouco depois de decolar no aeroporto LaGuardia, em Nova York (Foto: NTSB via AP)

A aeronave teve uma falha na turbina esquerda pouco depois de decolar no aeroporto LaGuardia, em Nova York (Foto: NTSB via AP)

Segundo o jornal americano USA Today, Marty Martinez, do Texas, pagou uma taxa para conseguir acessar o Wi-Fi do avião pouco antes de cair. Ele queria enviar uma mensagem às “pessoas que amava”, no que acreditava ser os últimos momentos de sua vida.

+ Queda de avião no Nepal deixa ao menos 50 mortos, diz porta-voz do Exército

+ Avião com amigas que comemoravam despedida de solteira cai no Irã

“Pensei que eram meus últimos momentos na Terra e queria que as pessoas soubessem o que aconteceu”, disse ele à emissora ABC.

Nas imagens postadas na rede social, Martinez aparece com uma máscara de oxigênio e relata na legenda que uma “explosão feriu gravemente uma mulher sentada próxima a uma janela”. “Algo está errado com o nosso avião! Parece que estamos caindo”, escreveu ele em meio ao desespero.

A aeronave teve uma falha na turbina esquerda pouco depois de decolar no aeroporto LaGuardia, em Nova York. Os passageiros ouviram uma explosão, peças de metal voaram pelos ares e uma janela se rompeu. Uma mulher que estava no assento ao lado quase foi lançada para fora do avião e acabou morrendo. A cabine sofreu despressurização e as máscaras de oxigênio caíram.

Martinez disse que os objetos voavam para fora do buraco onde a janela havia sido quebrada, e “os passageiros perto dela tentavam se segurar”.

De acordo com a Administração Federal de Aviação, o voo 1380 aterrissou no Aeroporto Internacional da Filadélfia às 11h20 (10h20 em Brasília) depois que a tripulação informou sobre a falha no motor, problemas na fuselagem e a janela quebrada.

Este é o primeiro acidente com vítimas em um avião de passageiros americano desde fevereiro de 2009, quando a aeronave do voo 3407 da companhia regional Colgan Air caiu durante uma tempestade de inverno no Estado de Nova York, matando 49 pessoas a bordo e uma em terra. / REUTERS e AP