Viagens do príncipe Charles custaram quase £1 milhão aos cofres britânicos em 2014
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Viagens do príncipe Charles custaram quase £1 milhão aos cofres britânicos em 2014

Compromisso oficial mais caro do príncipe e de sua mulher, Camila, foi a viagem para o México e a Colômbia, avaliada em £446 mil (R$ 2,1 milhões)

Redação Internacional

24 de junho de 2015 | 12h08

As viagens oficiais do príncipe Charles e de sua mulher Camila custaram aos cofres britânicos quase £1 milhão (R$ 4,8 milhões) no ano passado, de acordo com a prestação de contas oficial divulgada nesta quarta-feira, 24.

Apenas a viagem de 9 dias de Charles e Camila para o México e a Colômbia, em outubro, custou £446 mil (R$ 2,1 milhões). Já a viagem de seis dias do casal pela Jordânia, Kuwait, Arábia Saudida, Catar e Abu Dhabi foi avaliada em £262 mil (R$ 1,2 milhão).

Príncipe Charles e sua mulher Camila visitam feira de produtos orgânicos em Bogotá, na Colômbia, em outubro (Foto: Diana Sanchez/AFP)

Príncipe Charles e sua mulher Camila visitam feira de produtos orgânicos em Bogotá, na Colômbia, em outubro (Foto: Diana Sanchez/AFP)

Já a viagem de quatro dias para os Estados Unidos, na qual o casal encontrou-se com o presidente Barack Obama, custou aos cofres britânicos £240 mil (R$ 1,1 milhão). Em comparação, a viagem do príncipe Harry, filho de Charles, ao Brasil e ao Chile custou £86 mil (R$ 416 mil).

Ao todo, a casa real britânica gastou £5,1 milhões em viagens oficiais (R$ 24,7 milhões) em 2014, aumento de 21,4% em relação ao ano anterior.

Os valores estão no relatório anual sobre a concessão soberana – a parte do orçamento público britânico usado para financiar os deveres oficiais da monarquia. Os dados mostram que o custo da monarquia britânica ao cofres públicos é de £35,7 milhões (R$ 173 milhões), equivalente a 56 centavos por contribuinte, o mesmo valor do ano anterior.

A manutenção das propriedades reais gastou £11,7 milhões (R$ 56,7 milhões) da verba para grandes projetos, incluindo a reforma da despensa Palácio de Buckingham, a remoção de amianto da residência da rainha Elizabeth II em Londres e a renovação da ardósia e da cobertura do palácio. / AFP

Tudo o que sabemos sobre:

Grã-Bretanhapríncipe Charles