Acidente em caravana de Bush causa morte de policial

Germain Casey bateu em outra moto e caiu. Chegou a ser socorrido, mas morreu no local

Efe,

28 de agosto de 2007 | 01h58

Um policial morreu na segunda-feira, 27, ao cair de sua moto quando escoltava a caravana do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, rumo ao aeroporto de Albuquerque, no estado do Novo México, informou a Casa Branca. Germain Casey, que ia à frente da caravana, bateu em outra moto e morreu quando recebia socorro dos médicos de uma ambulância presidencial, disse um canal de televisão de Albuquerque. Bush se disse consternado com a morte do agente e disse que esta noite telefonaria para a viúva. "É uma difícil missão servir e proteger os cidadãos, e eu sempre estarei agradecido pelo serviço do agente Casey", acrescentou. Bush viajou na segunda ao Novo México para participar da campanha para a reeleição do senador republicano Pete Domenici. Há um ano um policial do Havaí morreu num acidente quando fazia parte da escolta de Bush.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.