Adolescente que planejava atacar escola é preso nos EUA

Um menino de 14 anos armado com umrifle e granadas caseiras foi preso na noite de quarta-feiraapós confessar que planejava "um ataque como o de Columbine"num colégio de um subúrbio de Filadélfia, disse a polícia naquinta-feira. O menino, que não foi identificado, contou que pretendiaatacar o colégio Plymouth Whitemarsh repetindo o caso docolégio Columbine, no Colorado, onde dois alunos mataram 13pessoas em 1999, segundo o subchefe de polícia Joe Lawrence. Graças à denúncia de um vizinho, a polícia prendeu o meninona sua casa, na localidade de Plymouth, ao norte de Filadélfia.Na casa havia um rifle 9 milímetros com mira a laser, 30 a 50projéteis e quatro granadas de mão, uma já pronta e outras trêsem fase de montagem, segundo a polícia. O menino tinha aulas em casa, onde vivia com pai e mãe, quesabiam das armas, segundo Lawrence. A mãe comprou a arma paraele numa exposição, disse o policial. Lawrence não disse se o menino se inspirou no incidente dequarta-feira em Ohio, quando um estudante de 14 anos feriu doisadultos e duas colegas antes de se matar. (Por Jon Hurdle)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.