Agência de saúde dos EUA lança novas diretrizes para combater casos de Ebola

A agência de saúde dos Estados Unidos afirmou nesta segunda-feira que estabeleceu novas diretrizes para profissionais de saúde que cuidam de pacientes infectados com o Ebola que exigem um melhor treinamento no momento de colocar e tirar a vestimenta de proteção.

REUTERS

20 de outubro de 2014 | 21h35

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês) também afirmou que nenhuma parte da pele dos agentes que cuidam de uma pessoa infectada pode ser exposta e que os supervisores precisam monitorar os trabalhadores enquanto colocam e retiram as roupas de proteção.

(Reportagem de Jon Herskovitz)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAEBOLACDC*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.