Apenas 24% dos americanos aprovam Bush, revela pesquisa

Congresso, sob o controle da oposição democrata, é aprovado por 11% da população

Efe,

18 de outubro de 2007 | 04h54

A desaprovação do trabalho do presidente George W. Bush e do Congresso bateu um recorde nos Estados Unidos, revelou nesta quarta-feira, 17, uma enquete realizada pela empresa de estudos Zogby. A pesquisa, realizada entre quarta-feira passada e domingo, ouviu 991 prováveis eleitores. E revelou que o nível de aprovação de Bush está em apenas 24%, cinco pontos percentuais a menos que há um mês. A aprovação do Congresso, sob o controle da oposição democrata, é de 11%, igualando o nível recorde do mês passado, disse a Zogby. Os americanos que acreditam que o país não está bem encaminhado são 66%, quatro pontos percentuais a mais que em setembro. "Os americanos se perguntam qual é a relevância do governo para eles", analisou a Zogby ao anunciar os resultados da consulta. Os pesquisadores acrescentaram que muitos pedem medidas concretas sobre a Guerra do Iraque, a imigração, os problemas da saúde e da educação, mas duvidam que elas aconteçam. Além disso, a enquete determinou que a confiança dos americanos na economia nacional e na política externa continua em queda. Cerca de 18% aprovam a política externa do presidente Bush, quatro pontos percentuais abaixo do nível de um mês atrás. Ao mesmo tempo, 26% mostraram uma opinião positiva sobre a política econômica, contra 30% de setembro.

Tudo o que sabemos sobre:
EUABushpesquisaaprovação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.