Autoridades de saúde dos EUA dizem que 50 pessoas estão em observação por caso de Ebola

As autoridades de saúde dos Estados Unidos afirmaram nesta sexta-feira que após conversas com 100 pessoas que podem ter tido contato com o paciente com Ebola no Texas, cerca de 50 estão agora sendo observadas diariamente para os sintomas do vírus mortal.

REUTERS

03 de outubro de 2014 | 15h28

Dessas 50 pessoas, cerca de 10 são consideradas de alto risco e o restante, de baixo risco, disse David Lakey, comissário do Departamento de Serviços de Saúde do Estado do Texas, em uma coletiva de imprensa.

Beth Bell, diretora do Centro de Controle de Doenças dos EUA, afirmou que colocar as pessoas em observação não implica que o CDC tenha um "alto nível de preocupação" com a maioria dessas pessoas.

(Reportagem de Julie Steenhuysen)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAEBOLA50OBSERVACAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.