Avião de Obama pousa na segunda tentativa por clima ruim nos EUA

Os pilotos do avião Air Force One tiveram de desistir de sua primeira tentativa de pousar no aeroporto de Coonecticut com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, a bordo na quarta-feira, mas aterrissaram facilmente na segunda vez sem ameaçar Obama ou outros passageiros.

REUTERS

18 de maio de 2011 | 16h27

O avião presidencial desistiu da aproximação para pouso às 10h50 (horário de Brasília) devido às más condições climáticas, informou a Administração Federal de Aviação. O piloto arremeteu e contornou o aeroporto antes de fazer uma segunda aproximação e pousar em segurança 15 minutos depois.

"O piloto estava no processo de aterrissar, mas devido ao clima, o piloto decidiu contornar o aeroporto e, então, pousou o avião, é um procedimento padrão e seguro", afirmou o porta-voz da Casa Branca Nick Shapiro.

A aeronave Boeing 747 pousou às 11h05 no Aeroporto Internacional Bradley, perto de Hartford, onde havia forte cobertura de nuvens e garoa fina.

O tráfego aéreo ao redor de qualquer aeroporto é restrito quando o avião presidencial está na região, então nenhuma outra aeronave esteve envolvida na situação.

O incidente de quarta-feira foi o segundo com um avião da Casa Branca no último mês.

Em 19 de abril, uma aeronave transportando a primeira-dama Michelle Obama e a esposa do vice-presidente Joe Biden, Jill Biden, abortou o pouso na Base Aérea Andrews, nos arredores de Washington, devido a um erro de controle aéreo.

Aquele jato, um Boeing 737, também contornou o aeroporto e pousou em segurança.

(Reportagem de Alister Bull e John Crawley)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAOBAMAAVIAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.