Banco é esvaziado em NY mas pacote suspeito não traz ameaça

Autoridades esvaziaram temporariamente os escritórios do banco israelense Hapoalim em Nova York na quarta-feira por causa de um pacote suspeito, mas logo depois determinaram que não havia perigo, afirmou a polícia.

REUTERS

19 de janeiro de 2011 | 18h07

Os agentes mobilizaram o esquadrão antibombas para o local, em Manhattan, depois que a segurança do banco ser alarmada pelo pacote, que tinha fios e baterias, mas a investigação mostrou que não havia um artefato explosivo, segundo a polícia.

O Hapoalim, segundo maior banco de Israel, tem escritórios numa região movimentada na cidade de Nova York.

(Reportagem de Brendan McDermid e Daniel Trotta)

Tudo o que sabemos sobre:
EUANYPACOTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.