Bloomberg já gastou US$ 7,5 mi para tentar reeleição em NY

Prefeito multimilionário tenta se eleger pela 3ª vez; empresário mudou legislação para permitir manobra

Efe,

24 de abril de 2009 | 19h43

O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, já investiu US$ 7,5 milhões na campanha em que busca uma polêmica reeleição. Sete meses antes das eleições, Bloomberg já conta com uma clara vantagem econômica sobre seus concorrentes. O diário The New York Times publica nesta sexta-feira, 24, que o multimilionário, desde 2002 à frente da Prefeitura, investiu na campanha para as próximas eleições quase seis vezes mais que seu adversário mais próximo.

 

Bloomberg, que se apresenta como candidato independente, já aplicou em outras ocasiões a técnica de investir grande quantidade de dinheiro em sua própria campanha. Desta vez, porém, a polêmica é ainda é maior porque ele mesmo promoveu uma mudança legislativa para poder buscar um terceiro mandato.

 

A normativa vigente há alguns meses em Nova York estabelecia que um servidor público não poderia ocupar seu posto durante mais de duas legislaturas consecutivas. No total, Bloomberg investiu US$ 160 milhões nas últimas duas campanhas eleitorais na cidade. Por isso, seus rivais pedem a ele que, desta vez, rebaixem substancialmente a quantia para que outros possam competir.

Tudo o que sabemos sobre:
Michael BloombergEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.