Bush pai permanece internado em UTI de hospital nos EUA

O ex-presidente e pai de George W. Bush foi para UTI no domingo após apresentar febre persistente

Reuters

27 de dezembro de 2012 | 21h03

AUSTIN, EUA - O ex-presidente norte-americano George H.W. Bush permanecia internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital em Houston nesta quinta-feira, 27, de acordo com um porta-voz do hospital.

Bush, de 88 anos, um republicano que durante seu único mandato liderou uma coalizão que expulsou as forças iraquianas do Kuweit em 1991, foi internado no Hospital Methodist em 23 de novembro com bronquite. Ele foi transferido à UTI no domingo após apresentar febre persistente, disse o porta-voz da família, Jim McGrath.

"Eu não tenho qualquer orientação até agora, exceto dizer que nenhuma notícia é uma boa notícia", disse McGrath nesta quinta-feira. O porta-voz do hospital, George Kovacik, disse que o ex-presidente permanecia na UTI.

Na quarta-feira, McGrath descreveu Bush como alerta e conversando com a equipe médica. Bush tem parkinsonismo dos membros inferiores, o que causa perda de equilíbrio, e tem usado cadeira de rodas por mais de um ano.

O 41º presidente dos Estados Unidos e pai do ex-presidente George W. Bush, foi congressista, embaixador na Organização das Nações Unidas (ONU) e na China, diretor da Agência Central de Inteligência (CIA) e vice-presidente por dois mandatos com Ronald Reagan.

Mais conteúdo sobre:
EUAGeorge H. W. Bush

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.