Cai vantagem de Hillary em New Hampshire, mostram pesquisas

A vantagem da pré-candidata democrata apresidente dos EUA Hillary Clinton sobre seu rival Barack Obamaem New Hampshire diminuiu a um mês da eleição primária noEstado, segundo pesquisas divulgadas na quarta-feira. Na pesquisa WMUR/CNN, a senadora tem um ponto de vantagemsobre o colega de bancada (31-30 por cento), dentro da margemde erro, que é de 5 pontos. New Hampshire é o primeiro Estado arealizar a eleição primária, em 8 de janeiro, embora Iowainaugure a disputa partidária, no formato de "caucus"(convenção), no dia 3. Outra pesquisa, da Universidade Suffolk para a WHDH-TV, deBoston, também mostra um avanço de Obama, que reduziu paramenos de 10 pontos percentuais a vantagem da ex-primeira-dama.Há duas semanas, ela liderava por 34-22 por cento. Agora, apesquisa indica 33-26 por cento para Hillary. "Obama lidera entre os homens, eleitores independentes emais jovens, enquanto Clinton está bem à frente entre mulheres,democratas registrados e eleitores mais velhos", disse DavidPaleologos, diretor do Centro de Pesquisa Política daUniversidade Suffolk, em Boston. Na pesquisa para a CNN e o canal local WMUR, o ex-senadorJohn Edwards aparece em terceiro lugar, com 16 por cento. Entre os republicanos, o ex-governador de Arkansas MikeHuckabee continua com menos de 10 por cento em New Hampshire,apesar da rápida ascensão nas pesquisas nacionais, de acordocom o levantamento CNN/WMUR. Na disputa do partido governista, o ex-governador deMassachusetts Mitt Romney lidera, com 32 por cento, seguidopelo ex-prefeito de Nova York Rudolph Giuliani e pelo senadorJohn McCain, empatados com 19 por cento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.