AFP PHOTO / Lars Hagberg
AFP PHOTO / Lars Hagberg

Canadá prolonga fechamento da fronteira devido à covid-19, com exceção dos Estados Unidos

A fronteira com os EUA está fechada para viagens não essenciais desde 21 de março

Redação, O Estado de S.Paulo

01 de agosto de 2020 | 03h51

O Canadá anunciou nesta sexta-feira, 31, uma nova prorrogação do fechamento de suas fronteiras, exceto para americanos, e o lançamento de seu aplicativo de rastreamento de contatos para evitar a propagação da pandemia do novo coronavírus.

O país estendeu a validez das medidas "que proíbem a entrada no Canadá de pessoas oriundas de países estrangeiros que não sejam os Estados Unidos" até 31 de agosto, de acordo com um decreto emitido nesta sexta.

A fronteira com os Estados Unidos, o país mais atingido do mundo pela pandemia em números absolutos, está fechada para viagens não essenciais desde 21 de março.

O primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, anunciou que, a partir desta sexta-feira, é possível baixar um aplicativo de rastreamento que permite saber se uma pessoa esteve em contato com outra contaminada.

"Eu mesmo baixei o aplicativo esta manhã e os incentivo a fazer o mesmo em todo o país", declarou Trudeau em coletiva de imprensa./AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.