Candidato republicano Perry pede mais transparência do Fed

O candidato republicano à Presidência norte-americana Rick Perry pediu nesta quarta-feira mais transparência do Federal Reserve para mostrar que o banco central dos EUA não estava envolvido em ações "impróprias".

REUTERS

17 de agosto de 2011 | 10h36

"Eles deveriam abrir seus livros. Eles deveriam ser transparentes para que o povo dos Estados Unidos saiba o que estão fazendo", disso o governador do Texas durante um café da manhã em Bedford, New Hampshire.

"Seria um grande avanço para mostrar se eles realizaram atividades que foram impróprias", acrescentou.

Foi o mais recente ataque contra o Fed pelo governador do Texas, que criou nervosismo na segunda-feira quando disse que consideraria "traiçoeiro" se o presidente do Fed, Ben Bernanke, "imprimisse mais dinheiro entre agora e as eleições", em novembro de 2012.

Mas o tom de Perry não era agressivo nesta quarta-feira. Ele disse ser um entre vários republicanos que vem questionando a transparência do Fed.

(Reportagem de Ros Krasny)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAPERRYFED*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.