Candidatos democratas discutem temores de recessão nos EUA

Os pré-candidatosdemocratas à Presidência dos Estados Unidos disseram nasegunda-feira que temem uma recessão no país e criticaram oplano proposto pelo presidente George W. Bush de estímulofiscal de 145 bilhões de dólares. "Podemos estar no caminho de uma recessão extraordinária, amenos que nós estimulemos a economia imediatamente", afirmou osenador Barack Obama durante um debate da rede CNN. Sua principal adversária, a senadora Hillary Clinton, disseque uma queda nos mercados globais valeu como um "enormealarme", que, segundo ela, provocou mudanças em sua propostaoriginal de um estímulo de 70 bilhões de dólares. "O pacote de estímulo proposto pelo presidente não éadequado", afirmou a ex-primeira-dama. "É pequeno demais,atrasado e não dá dinheiro suficiente para as pessoas maisatingidas pelos custos mais altos de energia e todo o resto." O plano de Bush inclui corte de impostos, mas os democratasapontam que milhões de norte-americanos de baixa renda, que nãopagam impostos, não receberiam qualquer ajuda. "Eles estão completamente de fora do pacote de estímulo",observou o ex-senador John Edwards. (Por Steve Holland)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.