Carter volta da Coreia do Norte com ex-preso

O ex-presidente norte-americano Jimmy Carter pousou na sexta-feira no aeroporto internacional Logan, em Boston, trazendo consigo um compatriota que passou sete meses preso na Coreia do Norte.

SCOTT MALONE, REUTERS

27 de agosto de 2010 | 19h00

Aijalon Mahli Gomes, que foi criado em Boston e trabalhava como professor de inglês na Coreia do Sul, foi detido em janeiro pelas autoridades norte-coreanas e condenado a oito anos de prisão por cruzar ilegalmente a fronteira da China com a Coreia do Norte.

Gomes, de 31 anos, foi recebido por cerca de 20 parentes. Nem ele nem Carter falaram com jornalistas. Carter acenou para a imprensa com os polegares levantados. Gomes, que vestia camisa polo listrada e parecia abatido, está com problemas de saúde, segundo as autoridades dos EUA.

Em nota, a família de Gomes disse que ele passou um "período longo, sombrio e difícil", e agradeceu Carter pela viagem a Pyongyang que resultou na sua libertação.

(Reportagem de Scott Malone)

Tudo o que sabemos sobre:
EUACARTERNORCOREIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.