Cirurgia de Ted Kennedy é realizada com sucesso

Senador democrata foi internado nesta segunda para retirada de um câncer maligno no cérebro

Associated Press,

02 de junho de 2008 | 15h30

A cirurgia do senador Edward Kennedy foi concluída com sucesso nesta segunda-feira, 2, informou seu médico. A operação foi para a retirada de um tumor maligno no cérebro, realizada na Universidade Duke, nos Estados Unidos. Agora, o senador democrata de 76 anos deverá passar por sessões de quimioterapia e radioterapia para tratar o glioma.   Veja também: Veja o perfil do senador Ted Kennedy   O cirurgião Allan Friedman disse Ted não terá nenhum efeito neurológico permanente do procedimento. Um porta-voz do senador por Massachusetts disse que sua mulher, Vicki, falou com ele logo após a cirurgia. "Eu me sinto muito bem. Acho que vou fazer isso de novo amanhã", teria dito Ted.   Antes da operação, o escritório de Kennedy informou em nota que depois do tratamento ele pretende voltar para o Senado dos Estados Unidos e "fazer tudo que pode" para ajudar a eleger Barack Obama "nosso próximo presidente."   Em maio, Ted sofreu uma convulsão e foi levado de helicóptero a um hospital de Boston, onde os médicos descobriram um tumor maligno em seu cérebro.   Edward Kennedy ficou conhecido como um dos últimos leões do liberalismo, um defensor aberto das políticas do partido Democrata nas décadas de 1960 e 70. No Senado, ele tem reputação de ser um dos membros mais efetivos na construção de coalizões bipartidárias.

Mais conteúdo sobre:
Edward Kennedy

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.