Colômbia detém 3 supostos membros das Farc acusados de sequestro

Três colombianos acusados de pertencer às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) foram detidos sob alegação de manter como refém um cidadão norte-americano por mais de 10 meses, disseram promotores dos EUA nesta sexta-feira.

REUTERS

04 de dezembro de 2009 | 20h58

Edilberto Berrio Ortiz, Alejandro Palacios Rengifo e Anderson Chamapuro Dogirama foram presos pelas autoridades colombianas na quinta-feira. Promotores norte-americanos alegam que eles integram a 57a Frente das Farc.

O norte-americano foi sequestrado em abril de 2008 no bairro de Costa del Este, na Cidade do Panamá, e libertado em fevereiro deste ano depois que um familiar pagou o resgate. Os promotores não o identificaram.

(Reportagem de Michelle Nichols)

Tudo o que sabemos sobre:
EUACOLOMBIAFARC*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.