Comemorações do futebol americano são registradas como pequenos terremotos

As comemorações de fãs do Seattle Seahawk, equipe de futebol americano, num jogo de segunda-feira contra o New Orleans Saints foram tão retumbantes que acabaram sendo registradas como pequenos terremotos em um sismômetro situado nas imediações, disse um professor universitário do Estado.

Reuters

03 de dezembro de 2013 | 20h59

O impacto mais intenso ocorreu depois de uma jogada que resultou num touchdown logo no começo do jogo, segundo John Vidale, diretor da Rede Sísimica do Noreste do Pacífico, na Universidade (do Estado) de Washington.

Os gritos e pulos no estádio CenturyLink Field foram registrados por um sismômetro usado pela rede, que monitora movimentação de terreno nos Estados de Washington e Oregon.

O equipamento marcou magnitude entre 1 e 2, disse Vidale, muito baixa para ser rastreada pelo Serviço Geológico dos EUA. O Touchdown de Michael Bennet foi o primeiro de quatro do Seattle, em sua vitória por 34 a 7.

"Todas as vezes que o Seahawks marcou um touchdown, houve um sinal sísmico", afirmou Vidale, cuja rede tem sua sede no Departamento das Ciências da Terra e do Espaço, na Universidade de Washington.

A rivalidade entre o Seahawks e o Saints já havia causado tremores em outras ocasiões.

(Reportagem de Karen Brooks em Austin)

Tudo o que sabemos sobre:
EUACOMEMORACAOTERREMOTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.