Confronto entre polícia e manifestantes nos EUA deixa mais de cem detidos

Movimento Ocuppy Oakland teria levantado barricadas contra a polícia, que reagiu com gás lacrimogêneo

Efe,

29 de janeiro de 2012 | 07h08

 Mais de cem pessoas foram detidas na cidade americana de Oakland após os confrontos registrados entre manifestantes e policiais, nos quais pelo menos três agentes ficaram feridos, informaram neste domingo, 29, meios de imprensa locais.

Os choques aconteceram quando uma manifestação convocada este sábado, 28, pelo movimento Ocuppy Oakland degenerou em um violento confronto entre os manifestantes, que começaram a levantar barricadas, e a Polícia, que lançou gás lacrimogêneo, segundo o The New York Times em seu site.

Segundo um comunicado da Polícia de Oakland, os agentes, que começaram sua intervenção quando os manifestantes "começaram a destruir material", foram atacados com "garrafas, canos de metal, pedras, garrafas de spray, rojões e artefatos explosivos improvisados", e responderam lançando gás lacrimogêneo e fumaça.

A maioria das detenções, entre 120 e 300 segundo diferentes fontes, aconteceu quando os manifestantes bloquearam diferentes pontos da cidade e entraram em alguns prédios, como o da Prefeitura.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.