Congressista que disse 'você mente' a Obama é repreendido

A Câmara dos Deputados dos EUA, de maioria democrata, repreendeu nesta terça-feira o legislador que gritou "você mente!" ao presidente norte-americano, Barack Obama, durante seu discurso ao Congresso sobre a reforma da saúde na semana passada.

THOMAS FERRARO, REUTERS

15 de setembro de 2009 | 21h38

A Câmara aprovou por 240 votos a 179 uma resolução de desaprovação contra Joe Wilson, um congressista relativamente obscuro da Carolina do Sul até seu rompante transmitido em rede nacional.

Uma resolução de desaprovação é a forma mais branda de punição na Casa e não implica nenhuma penalidade além de uma citação por quebra das regras de conduta da Câmara.

Os republicanos se aliaram a Wilson e se opuseram à resolução. Durante a votação, muitos davam tapinhas em suas costas e apertavam sua mão.

Eles concordaram que Wilson cometeu um erro ao gritar com Obama, mas observaram que o congressista se desculpou imediatamente ao presidente por telefone e que Obama aceitou as desculpas.

Tudo o que sabemos sobre:
EUACONGRESSISTAOBAMA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.