Deputado de Nova York é acusado de corrupção

O deputado do Estado de Nova York Eric Stevenson e outras quatro pessoas foram acusadas de corrupção, informou o procurador federal dos EUA para o Distrito Sul de Nova York, Preet Bharara, nesta quinta-feira, no segundo caso de corrupção apresentado pela procuradoria contra políticos nova-iorquinos esta semana.

Reuters

04 de abril de 2013 | 14h09

Procuradores federais acusaram Stevenson de ter recebido suborno em troca de atos oficiais, "que incluíam elaborar, propor e concordar em aprovar uma legislação que beneficiaria empresas dos co-réus", disse o gabinete do procurador em comunicado.

Dois dos outros réus foram acusados em conexão com o pagamento de um suborno a outro deputado, que estava cooperando com os promotores federais na época, segundo o comunicado.

Segundo os promotores, Stevenson --um democrata de uma família proeminente do Bronx que foi eleito em 2010-- aceitou ou concordou em aceitar cerca de 20 mil dólares em subornos ao longo do ano passado.

O gabinete de Stevenson não fez qualquer comentário.

Em um caso separado na terça-feira, o senador democrata pelo Estado de Nova York Malcolm A. Smith foi preso e acusado de tentar comprar uma vaga na chapa republicana na corrida pela prefeitura da cidade, no que os promotores disseram ter sido um papel central numa série de esquemas de suborno que refletiam a corrupção generalizada na política de Nova York.

Cinco outros políticos --três republicanos e dois democratas-- também foram presos e acusados de aceitar coletivamente mais de 100 mil dólares de suborno em reuniões que muitas vezes aconteceram em carros estacionados, quartos de hotel e escritórios governamentais, de acordo com documentos judiciais.

(Reportagem de Daniel Trotta)

Tudo o que sabemos sobre:
EUADEPUTADONYCORRUPCAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.