Descarrilamento de trem mata 2 nos EUA e atrasa audiência sobre 11/9

Um trem de carga descarrilou nesta terça-feira durante a travessia de um viaduto no oeste de Baltimore, nos Estados Unidos, derramando toneladas de carvão em cima de duas mulheres de 19 anos que estavam sentadas na ponte, provocando a morte delas, segundo a polícia.

DAN BURNS, Reuters

21 de agosto de 2012 | 21h05

O acidente também esmagou carros próximos e danificou linhas de telecomunicações na região, afetando as conexões de dados até mesmo em Guantánamo, Cuba, onde uma audiência pré-julgamento de cinco homens acusados de planejar os ataques de 11 de Setembro acabou adiada.

O descarrilamento ocorreu pouco depois da meia-noite, quando um trem da CSX ia para o leste através da Ellicott City, cerca de 20 quilômetros a oeste de Baltimore, informou em comunicado a polícia do condado de Howard.

A polícia descobriu as mulheres mortas durante uma investigação sobre o acidente, cuja causa permanece desconhecida. O Conselho Nacional de Segurança no Transporte assumiu a investigação.

As duas mulheres aparentemente estavam sentadas na beira da ponte sobre a avenida principal de Ellicott City quando o descarrilamento ocorreu, segundo a polícia.

O comunicado da polícia informou que as mulheres estavam de costas para o trem quando ele passou, a poucos metros delas.

"Por uma razão desconhecida, o trem descarrilou, causando a abertura de vagões cheios de carvão", disse o comunicado. "(As mulheres) foram enterradas sob o carvão derramado dos vagões do trem."

Tudo o que sabemos sobre:
EUATREMACIDENTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.