Desemprego preocupa 72% dos norte-americanos, diz pesquisa

Quase três quartos dos norte-americanos estão muito preocupados sobre o desemprego e o número de pessoas que desaprovam o presidente Barack Obama é maior do que os que aprovam, mostrou uma pesquisa Reuters/Ipsos nesta terça-feira.

REUTERS

24 de agosto de 2010 | 13h44

Dando más notícias aos democratas antes das eleições parlamentares de novembro, 72 por cento dos entrevistados disseram estar muito preocupados com a falta de emprego, e 67 por cento se disseram muito preocupados sobre os gastos do governo.

A taxa de desaprovação de Obama é de 52 por cento, superando a taxa de aprovação pela primeira vez em uma pesquisa Ipsos desde que o democrata se tornou presidente.

Apenas 45 por cento das pessoas disseram aprovar o desempenho do presidente. A taxa de desemprego norte-americana é de 9,5 por cento.

Quarenta e seis por cento dos eleitores registrados dos EUA votariam em candidatos republicanos em novembro e 45 por cento escolheriam membros do Partido Democrata, de acordo com a pesquisa Reuters/Ipsos, que ouviu 1.063 adultos entre 19 e 22 de agosto.

A pesquisa tem uma margem de erro de 3 pontos percentuais.

(Reportagem de Alistair Bell e Rick Cowan)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAOBAMAPESQUISA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.