Dezenas de baleias encalham e 10 morrem em parque na Flórida

Dez baleias morreram e equipes de resgate estavam tentando salvar dezenas de outras que encalharam no Parque Nacional de Everglades, no sudoeste da Flórida, disseram autoridades nesta quarta-feira.

Reuters

04 de dezembro de 2013 | 21h21

Quarenta e uma baleias nadavam livremente em águas rasas perto da costa, e as equipes de resgate tentavam, sem muito sucesso, espantá-las para águas mais profundas.

Autoridades sacrificaram quatro baleias porque elas não poderiam ser salvas, disse a Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, na sigla em inglês).

A NOAA afirmou no Twitter que as taxas de sobrevivência eram tipicamente baixas em tais casos.

As baleias foram avistadas primeiro na terça-feira à tarde em uma parte remota do parque, perto do Golfo do México, disse a porta-voz do parque, Linda Friar.

Elas eram tidas como baleias-piloto de nadadeira curta, normalmente encontradas em águas profundas de áreas tropicais e temperadas. Biólogos farão necropsias nas baleias mortas para tentar determinar por que encalharam, disse a NOAA.

"As baleias-piloto tendem a fazer isso", disse Friar.

"Esta área do parque é provavelmente o maior desafio para algo como isto. Quando a maré desce, há centenas de metros de cardumes muito superficiais", disse ela.

Baleias-piloto de barbatanas curtas normalmente viajam em grupos de 25 a 30 animais. Os adultos pesam de 1.000 a 3.000 quilos, com fêmeas medindo, em média, 3,7 metros, e os machos, 5,5 metros, segundo a NOAA.

(Reportagem de Jane Sutton)

Tudo o que sabemos sobre:
EUABALEIASMORREM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.