Dois presos canadenses fazem ousada fuga de helicóptero

Dois canadenses fugiram de helicóptero de uma prisão a noroeste de Montreal, no domingo, em plena luz do dia, segundo a imprensa.

Reuters

18 de março de 2013 | 09h16

O helicóptero da empresa Heli-Tremblant havia sido sequestrado horas antes por dois homens armados que se fizeram passar por turistas, segundo o jornal The Globe and Mail.

O piloto recebeu ordens para voar até a penitenciária de St-Jérôme, a cerca de 60 quilômetros de Montreal, segundo o jornal. Uma vez lá, os dois presos embarcaram usando cordas ou cabos.

Os dois presos foram identificados como Benjamin Hudon-Barbeau, de 36 anos, e Danny Provençal, de 33, que supostamente se feriram na fuga.

Até a noite de domingo, a polícia havia prendido três homens, inclusive Hudon-Barbeau. Além disso, Provençal teria sido convencido a se render, segundo o The Globe and Mail.

Antes, quando a polícia ainda os perseguia, um homem que se identificou como Hudon-Barbeau ligou para uma rádio local avisando que o caso iria "terminar mal".

"Vou me matar. Tenho 36 anos e me disseram que eu vou morrer na prisão", afirmou.

O helicóptero foi achado a 80 quilômetros da penitenciária, só com o piloto a bordo. Ele foi levado para um hospital, e policiais disseram que ele será interrogado, segundo o jornal.

(Reportagem de Paul Thomasch)

Tudo o que sabemos sobre:
CANADAPRESOSHELICOPTERO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.