EUA analisam possíveis voos comerciais para Cuba

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, determinou que autoridades analisem a possibilidade de iniciar possíveis voos comerciais regulares entre os EUA e Cuba, disse a Casa Branca nesta segunda-feira.

REUTERS

13 de abril de 2009 | 18h44

O porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs, foi perguntado durante coletiva de imprensa como cubanos-americanos podem se beneficiar de uma flexibilização das restrições entre os EUA e Cuba anunciadas pelo governo Obama mais cedo.

Dan Restrepo, assistente especial do presidente, disse haver a possibilidade da extensão de voos charter entre os EUA e Cuba para acomodar novos passageiros.

Pressionado por um repórter se o governo autorizaria linhas comerciais a operar voos regulares, Gibbs disse que este era um dos pontos que o presidente determinou os secretários de Estado, Comércio e Tesouro a analisar.

(Reportagem de Ross Colvin)

Tudo o que sabemos sobre:
EUACUBAVOO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.