EUA atacam Khorasan e dizem que grupo planejava atentado na Europa e EUA

Os Estados Unidos conduziram ataques aéreos na quarta-feira à noite na Síria contra militantes do grupo Khorasan, ligado à Al Qaeda, afirmando que o grupo estava planejando atacar a Europa e os Estados Unidos.

REUTERS

06 de novembro de 2014 | 14h50

"Tomamos ação decisiva para proteger nossos interesses e remover a capacidade deles de agir", disse o Comando Central de Controle dos EUA em comunicado nesta quinta-feira.

O órgão disse que os ataques, realizados pelas Forças Armadas dos EUA contra cinco alvos do Khorasan, "resultaram nos efeitos desejados de atingir terroristas".

Os ataques aéreos também atingiram veículos e prédios do grupo, assim como locais utilizados para a construção de bombas e para treinamento, de acordo com o comunicado.

Acredita-se que um ataque aéreo anterior dos EUA contra o grupo, em setembro, não conseguiu cumprir o objetivo de matar um dos principais líderes do Khorasan.

(Reportagem de Susan Heavey)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAKHORASANATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.