EUA desistem de pressionar Israel por assentamentos, diz fonte

Os Estados Unidos não estão mais pressionando Israel a paralisarem a expansão dos seus assentamentos, o que serviria para convencer os palestinos a retomarem o processo de paz, disse um diplomata norte-americano de alto escalão na terça-feira.

REUTERS

07 de dezembro de 2010 | 19h58

Sob anonimato, esse diplomata disse que Washington está "encerrando os contatos para tentar obter outra moratória (nas obras)". "Chegamos à conclusão de que esta não é a hora de renovar a negociação direta pela renovação da moratória", afirmou essa fonte, acrescentando que os EUA agora buscaram resolver questões de segurança e fronteiras.

Washington promoveu em setembro a retomada das negociações diretas entre palestinos e israelenses, após um hiato de dois anos, mas os palestinos abandonaram o processo depois que Israel recusou-se a prorrogar a moratória na construção de novas casas para colonos judeus nos territórios ocupados.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAASSENTAMENTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.