EUA dizem que ONU deve ter posição firme sobre Coreia do Norte

A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, disse nesta segunda-feira que o primeiro passo a ser tomado em relação ao lançamento do míssil norte-coreano no fim de semana deve ser uma posição firme da Organização das Nações Unidas.

REUTERS

06 de abril de 2009 | 18h06

Hillary classificou o lançamento do foguete Taepodong-2 pela Coreia do Norte como um ato provocativo com graves implicações, e disse: "A Coreia do Norte tem que saber que quaisquer esforços para obter os objetivos que estipulou como desejáveis nas negociações entre os seis países serão postos em risco".

(Reportagem de Tabassum Zakaria)

Tudo o que sabemos sobre:
EUANORCOREIAONU*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.