EUA temem que Gaddafi retorne ao terrorismo

Os Estados Unidos estão preocupados com a possibilidade de o líder líbio, Muammar Gaddafi, retornar ao terrorismo e ao extremismo violento, caso ele tenha sucesso na batalha contra rebeldes, disse o subsecretário de Estado norte-americano, Nicholas Burns, nesta quinta-feira.

REUTERS

17 de março de 2011 | 12h26

"Se Gaddafi tiver sucesso, você também enfrenta uma série de outros riscos", disse Burns ao Comitê de Relações Exteriores do Senado dos EUA.

Isso inclui, segundo ele, "o perigo de ele voltar ao terrorismo e ao extremismo violento". Burns acrescentou que há um risco real de "violência crescente e turbulência" no Oriente Médio.

Tudo o que sabemos sobre:
EUALIBANOONU*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.