EUA testam com sucesso novo sistema antimísseis

Equipamento é testado com sucesso no Havaí; prova é assistida por representantes israelenses

Efe,

27 de outubro de 2007 | 19h49

Os Estados Unidos realizaram com sucesso um novo teste de seu sistema antimísseis, que conseguiu detectar, seguir e interceptar um alvo balístico que voava acima da atmosfera terrestre neste sábado, 27. O teste - o quarto realizado até agora - foi conduzido pela Agência de Defesa de Mísseis americana (MDA, na sigla em inglês) e pela empresa Lockheed Martin, contratada pelo Departamento de Defesa americano. Ele foi realizado nas instalações militares americanas da ilha de Kauai, no Havaí, e foi presenciado por representantes de países interessados em adquirir o programa, como Israel. O sistema é chamado de Área de Defesa de Alta Altitude Terminal (Thaad, na sigla em inglês), e foi projetado para defender tropas americanas e de países aliados, centros urbanos e instalações importantes contra mísseis balísticos de curto a médio alcance.  O Thaad é formado por um sistema de comunicação, um controle de fogo, um lançador, um radar e um interceptor, e é o único capaz de disparar e aniquilar um alvo balístico em altitudes acima do nível da atmosfera terrestre. "Isto é o que faz este sistema ser único. Nenhum outro sistema de defesa no mundo pode destruir mísseis fora e dentro da atmosfera. Esta flexibilidade fornece uma proteção excelente para nosso Exército e seus aliados", disse o responsável da Lockheed Martin pelo programa, Tom McGrath.

Tudo o que sabemos sobre:
antimísseisEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.