EUA vão eliminar 'cerca virtual' na fronteira com México

O governo dos Estados Unidos pretende desativar a polêmica "cerca virtual" destinada a melhorar a vigilância em alguns trechos da fronteira com o México, disse um parlamentar norte-americano na sexta-feira.

REUTERS

14 de janeiro de 2011 | 17h05

O projeto, realizado pela empresa Boeing, já custou cerca de 1 bilhão de dólares, e incluía câmeras de vídeo, radares, sensores e outras tecnologias para detectar movimentações ilegais na fronteira.

"O programa SBInet tem sido uma frustração grave e cara desde sua concepção", disse em nota o deputado Bennie Thompson, líder da bancada democrata na Comissão de Segurança Doméstica da Câmara dos Deputados.

Ele acrescentou que o Departamento de Segurança Doméstica do governo está abandonando o projeto. O departamento, no entanto, não se manifestou sobre o assunto.

(Reportagem de Jeremy Pelofsky)

Tudo o que sabemos sobre:
EUAMEXICOCERCA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.