Família Obama ganhou 500 mil dólares no ano passado, mas renda caiu

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e sua mulher, Michelle, declararam ter recebido meio milhão de dólares em rendimentos em 2013, valor menor do que no ano anterior porque a receita de seus livros mais vendidos continuou a cair, de acordo com as suas declarações de imposto de renda divulgadas pela Casa Branca nesta sexta-feira.

Reuters

11 de abril de 2014 | 18h13

Os Obamas ganharam 503.183 dólares no ano passado e, após as deduções, tiveram uma renda bruta ajustada de 481.098. Eles pagaram 98.169 dólares em impostos federais, ou 20,4 por cento, e doaram cerca de 60.000 dólares para instituições de caridade, de acordo com os documentos.

Já em 2012, os Obamas declararam renda de 662.076 dólares e pagaram 112.214 dólares em impostos federais, correspondendo a 18,4 por cento. Em 2011, eles ganharam 844.585 dólares, pagando 162.074 dólares em impostos federais. Após as deduções, a receita bruta ajustada do casal ficou em 608.611 dólares em 2012 e 789.674 dólares em 2011.

O salário anual de Obama como presidente é de 400.000 dólares. Ele havia planejado devolver 5 por cento do seu salário em 2013 como um gesto de solidariedade com os trabalhadores do governo federal que passaram a ter licenças sem vencimento, em razão dos profundos cortes de gastos. Obama informou ter recebido 394.796 em 2013 em salários, e não ficou claro se ou como ele devolveu parte desses ganhos.

A declaração mostra vendas mais fracas dos dois livros de Obama, "A Origem dos Meus Sonhos", um olhar autobiográfico de sua vida, publicado em 1995, e "A Audácia da Esperança", uma visão política, publicado em 2006. Juntos, eles renderam mais de 5 milhões de dólares em 2009, no início de sua presidência.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAOBAMARENDA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.