Hanna pode virar furacão e atingir EUA na segunda-feira

Tempestade tropical parte para Bahamas e pode virar furacão até sexta; ela pode afetar litoral sul dos EUA

Efe,

03 de setembro de 2008 | 17h02

A tempestade tropical Hanna começou a se deslocar nesta quarta-feira, 3, em uma trajetória rumo ao norte em direção às Bahamas e pode se transformar em furacão na quinta ou na sexta, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos.   Veja também: Bush diz que resposta ao Gustav foi 'excelente' Tempestade Hanna mata ao menos 25 pessoas no Haiti   Hanna, que já causou 25 mortos no Haiti, se movimentava às 15h (no horário Brasília) para o norte, a cerca de 17 km/h. Por essa razão, o centro da tempestade se deslocará sobre o leste das zonas central e noroeste das Bahamas nos próximos dois dias, segundo o NHC.   Segundo projeções, em cinco dias Hanna poderia chegar ao continente "no litoral sul dos EUA, talvez em algum ponto dos estados da Geórgia, Carolina do Sul ou Carolina do Norte", disse à Agência Efe Jaime Rhome, meteorologista do NHC.   Hanna apresentava ventos máximos sustentados de 95 km/h e estão previstas poucas mudanças hoje em sua intensidade, embora "possa se transformar de novo em furacão na quinta ou sexta-feira", assinalaram os especialistas.   Já a tempestade tropical Ike está prestes a se transformar em furacão no Atlântico, ao elevar a intensidade de seus ventos para 110 km/h. O NHC assinalou que o fenômeno ganhará força nos próximos dois dias e "se transformará em furacão na tarde de hoje."   Segundo especialistas, Ike não é uma ameaça imediata, já que se encontra em águas abertas do Atlântico.

Tudo o que sabemos sobre:
HannaEUAfuracão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.