Hillary diz que casamento com Bill Clinton vale a pena

Candidata à presidência diz que nunca duvidou do seu casamento, apesar dos desafios enfrentados

Steve Holland, da Reuters,

24 de outubro de 2007 | 19h49

Candidata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton disse que valeu a pena ficar ao lado do marido, o ex-presidente Bill Clinton, apesar dos problemas conjugais que eles enfrentaram. O casamento foi abalado em 1998, quando se soube que Clinton teve um caso com uma estagiária da Casa Branca, Monica Lewinsky, iniciando um escândalo que quase o tirou do cargo.  Hillary, senadora por Nova York, falou sobre o relacionamento com Bill em uma entrevista à revista Essence de novembro. Algumas pessoas se perguntam por que ela apoiou o marido, que também foi acusado de indecências com outras mulheres. "Eu conheço a verdade sobre a minha vida e do meu casamento, meu relacionamento e parceria, minha profunda ligação de amizade com meu marido", disse Hillary, segundo trechos da entrevista publicados no site da revista. "Nós obviamente tivemos desafios como todo mundo sabe. Mas eu nunca duvidei de que este era um casamento em que valia a pena investir, até mesmo em meio àqueles desafios, e estou muito feliz pela decisão que tomei." Hillary, contudo, afirmou estar ciente de que nem todos tomariam a mesma decisão. Muitos republicanos acreditam que os norte-americanos não vão querer a volta dos Clinton à Casa Branca nas eleições de novembro de 2008. Uma pesquisa Los Angeles Times/Bloomberg sugeriu que, pelo menos entre democratas essa questão não significa muito.

Tudo o que sabemos sobre:
Hillary ClintonBill ClintonEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.