Homem é detido após jogar bebê por janela de carro nos EUA

Jovem de 21 anos cometeu o crime após discutir com ex-namorada, mãe da criança; bebê de 3 meses morreu

Efe,

06 de maio de 2009 | 02h33

Um jovem de 21 anos foi detido na terça-feira, 5, na Flórida, nos Estados Unidos, por atirar um bebê de três meses, que depois foi encontrado morto, pela janela de um carro após discutir com a ex-namorada, a mãe da criança.

 

Richard McTear Jr. discutiu com Jasmine Bedwell, de 17 anos, no apartamento da adolescente, agrediu a jovem e depois jogou o bebê, Emanuel Wesley Murray, no chão.

 

Em seguida, o jovem pegou a criança e a levou ao carro, informou o jornal The Tampa Tribune em sua edição digital.

 

Momentos depois, uma pessoa que dirigia por uma rodovia interestadual viu o que achou ser uma sacola de lixo em um lado da estrada, mas, ao olhar novamente, percebeu que era uma criança. Quando a Polícia chegou ao local, declarou Emanuel morto.

 

O escritório policial do condado de Hillsborough disse que McTear Jr. foi acusado de assassinato em primeiro grau, abuso com agravante de um menor, sequestro, agressão e roubo com agressão.

 

Um parente de Jasmine informou ao jornal que ela começou a sair com McTear Jr. há dez meses, quando estava grávida do bebê, que é filho de um homem que está preso.

 

O agressor, segundo este parente, não ficou feliz com a criança e Jasmine temia pela segurança do filho.

 

A jovem inclusive solicitou uma ordem de restrição contra McTear Jr. por violência doméstica, mas não compareceu a um tribunal na segunda-feira e o caso foi encerrado.

 

O acusado tem antecedentes penais que incluem detenções, algumas por violência doméstica. A Polícia disse que a primeira vez em que McTear Jr. foi detido ele tinha 14 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.