Homem é morto por touro em festival na Espanha

Incidente causou a primeira vítima em 14 anos da tradicional corrida de Pamplona

10 de julho de 2009 | 06h09

Um homem foi morto por um touro em uma das mais tradicionais corridas de touros da Espanha. O incidente em Pamplona, no norte do país, foi a primeira morte em 14 anos do evento.

 

Jovem recebe atendimento das equipes de resgate. Foto: Efe

 

Daniel Jimeno, de 27 anos, é residente no bairro de Alcalá de Henares, em Madri. Ele estava em férias com seus pais e a namorada e teve seu pescoço e pulmão perfurado pelos chifres do touro durante a quarta corrida de touros do festival de Pamplona, e faleceu no hospital após cirurgia. Outros três participantes ficaram feridos no incidente. Fotografias mostram Jimeno numa maca momentos depois do ataque. Seu rosto e pescoço estavam sujos de sangue e seus olhos estavam semiabertos.

 

Homem é atingido por touro na corrida em Pamplona. Foto: Reuters

 

Foto: Efe

O touro que havia se separado dos demais animais atacou um grupo de corredores e espectadores do festival. Os serviços de emergência não conseguiram socorrer o homem.  O festival termina na terça-feira e não há indicação de que as demais corridas serão canceladas por causa da morte do participante.

 

Paramédicos atendem feridos no festival. Foto: Reuters

A corrida de touros, ao longo de um trecho de 850 metros nas ruas de Pamplona, atrai milhares de turistas a cada ano. A última morte causada pelas chifradas dos touros foi a do norte-americano de 22 anos Matthew Tassio, em 1995. Em 2003, um espanhol de 63 anos, Fermin Etxeberri, teve sua cabeça pisoteada e morreu após passar meses em coma. A morte registrada nesta sexta-feira eleva para 15 o número de mortos desde que a contagem começou a ser realizada, em 1924.

Tudo o que sabemos sobre:
Espanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.