Homem mata esposa e quatro filhos e se suicida nos EUA

Bancário era acusado de fraude e assassinou a família a pancadas no domingo ou segunda

Efe,

27 de março de 2008 | 00h37

Um bancário matou a pancadas sua esposa e quatro filhos, que tinham entre três e dez anos, antes de se suicidar no estado de Iowa, nos Estados Unidos, segundo o resultado divulgado nesta quarta-feira, 26, das autópsias dos corpos. Fontes policiais disseram que Steven Sueppel matou as crianças e sua mulher no domingo ou na segunda-feira. Acrescentaram que se suspeita que o homem tentou matá-los por asfixia com monóxido de carbono no interior da garagem de sua casa, e por não conseguir acabou tirando suas vidas a pancadas. Os corpos foram encontrados na segunda-feira, em várias quartos da casa da família. Segundo o relato policial, após matar os integrantes de sua família, Sueppel tentou se afogar no rio Iowa. Como também não teve êxito, abordou um automóvel e o lançou contra uma barreira. Pouco antes, ele tinha ligado para o serviço de emergência americano para pedir que a Polícia fosse a sua casa. Os restos do homem, que era acusado de fraude, foram identificados por sua arcada dentária, informou um porta-voz da Polícia. Sueppel deixou uma nota e mensagens telefônicas nos escritórios bancários onde tinha trabalhado, assim como nos escritórios de seu pai e irmão.

Tudo o que sabemos sobre:
morteassassinatoEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.