Imigração americana detém mais de 900 pessoas na Califórnia

O ICE aumentou as operações contra imigrantes que ignoram ordens de deportação

EFE

24 de maio de 2008 | 00h36

O Serviço de Imigração e Alfândegas (ICE, na sigla em inglês) deteve num período de três semanas mais de 900 pessoas na Califórnia por ter violado as leis de imigração nos Estados Unidos, informou a agência governamental. Foram detidas 441 pessoas na Califórnia do Norte, 327 na área de Los Angeles e 137 em San Diego. O ICE aumentou as operações contra imigrantes que ignoram ordens de deportação. Quando os agentes vão ao último endereço conhecido do imigrante que deve ser deportação e encontram outros estrangeiros, perguntam a eles por seu status legal nos EUA. Os que não conseguem provar que vivem de maneira legal no país são detidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.