Juiz considera garotos de Ohio culpados por estupro de garota de 16 anos

Dois jogadores de futebol americano do ensino médio nos Estados Unidos foram considerados culpados por terem estuprado uma menina de 16 anos em uma festa enquanto ela estava bêbada.

DREW SINGER, Reuters

17 de março de 2013 | 12h11

Trent Mays, 17, e Ma'lik Richmond, 16, jogadores do time "Big Red"da cidade de Steubenville, Ohio, foram culpados pelo crime de assalto sexual da menina pelo crime cometido na manhã de 12 de agosto quando testemunhas disseram que ela estava muito bêbada para se mover ou falar.

Os acusados ??podiam ser ouvidos chorando depois que o juiz Tom Lipps anunciou a decisão.

Mays e Richmond negaram a acusação e disseram que o sexo que ocorreu foi consensual.

Ambos se desculparam com a vítima em breves declarações após Lipps emitir o julgamento.

Eles podem ser condenados a um centro de detenção juvenil até completarem 21 anos, e serem obrigados a se registrar como criminosos sexuais.

O caso chamou a atenção dos Estados Unidos, após uma foto e um vídeo da festa documentando o ataque terem sido publicados online.

Lipps disse que a evidência apresentada era profana e feia e disse que o consumo de álcool é um perigo para "a nossa juventude adolescente".

Tudo o que sabemos sobre:
EUAESTUPROCULPADOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.