Kerry chega ao Cairo para pressionar obtenção de cessar-fogo em Gaza

O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, começou nesta segunda-feira uma iniciativa diplomática para obter um cessar-fogo no conflito cada vez mais intenso entre Israel e o Hamas.

REUTERS

21 de julho de 2014 | 16h59

Falando a repórteres enquanto Kerry viajava ao Cairo, autoridades de alto escalão dos EUA destacaram o desafio de pôr fim a duas semanas de violência durante as quais mais de 500 pessoas morreram, na maioria palestinos.

"O objetivo é obter o cessar-fogo o mais rápido possível... isso não significa que será rápido, nem tampouco que será fácil, mas é a meta", declarou uma autoridade sob condição de anonimato.

"Gostaríamos também que fosse o cessar-fogo mais descomplicado possível. Se conseguíssemos que os dois lados concordem com uma trégua de imediato e relativamente livre de condições, aceitaríamos na hora”, acrescentou a fonte.

Kerry deve se encontrar com o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, na noite desta segunda-feira e se reunir com uma série de autoridades de alto escalão do Egito na terça-feira.

Entre elas provavelmente estará o presidente egípcio, Abdel Fattah al-Sisi, e o ministro das Relações Exteriores, Sameh Shukri, assim como o líder da Liga Árabe, Nabil el-Araby, disseram as autoridades norte-americanas.

(Reportagem de Arshad Mohammed)

((Tradução Redação São Paulo; +5511 5644-7731)) REUTERS BM

Tudo o que sabemos sobre:
EUAEGITOKERRY*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.