Massacre de Virginia Tech rende indenização milionária

Valor foi decidido em um acordo extrajudicial com o estado da Virgínia

Efe

10 de abril de 2008 | 22h26

Os parentes das vítimas mortas por um estudante sul-coreano que atacou há um ano a Universidade de Virginia Tech receberão uma indenização de US$ 11 milhões, informaram hoje fontes judiciais.   Advogados das 21 famílias disseram que o valor foi decidido em um acordo extrajudicial com o estado da Virgínia para evitar processos posteriores.   "Nossos corações estão com nossos clientes que nos confiaram esta importante responsabilidade", indicaram os advogados em uma declaração.   Em 16 de abril do ano passado, o estudante sul-coreano Seung-hui Cho matou 32 pessoas e feriu mais de dez na Virginia Tech. Após o ataque, cometido em um dos establecimentos do instituto, Cho se suicidou.   Os advogados indicaram que só divulgarão os detalhes do acordo quando forem acertados os detalhes definitivos.

Tudo o que sabemos sobre:
Virginia Techmassacreindenização

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.