Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Massacre em casa de família na Califórnia deixa 6 mortos

Polícia encontrou cinco vítimas após denúncia; um bebê morreu no hospital e há uma mulher ferida gravemente

Efe,

31 de março de 2009 | 02h25

Um tiroteio em uma casa de Santa Clara, na Califórnia, deixou seis mortos, sendo quatro crianças, e uma pessoa gravemente ferida, informou na segunda-feira, 30, a Polícia à imprensa local.

 

A Polícia de Santa Clara acredita que um dos corpos encontrados na casa é o do assassino, que teria se suicidado após matar os membros de sua família, disse o tenente Phil Cooke ao jornal "San Francisco Chronicle".

 

O massacre ocorreu no domingo à noite no bairro de Headen Way, na zona norte de Santa Clara.

 

Após receber uma ligação de um morador do bairro, que denunciou a presença de uma mulher ferida do lado de fora da casa, a Polícia foi ao local e encontrou dois homens, duas meninas e uma criança mortos no interior.

 

Além da mulher que estava fora da casa, que permanece internada em um hospital em estado grave, um bebê também tinha ficado ferido, mas não resistiu e morreu.

 

Cooke, que não revelou a identidade das vítimas nem quis especular sobre o motivo do tiroteio, encontrou duas armas na casa e disse que está esperando os resultados das provas de balística para comprovar se o assassino usou uma delas ou as duas.

 

Em declarações ao "San Francisco Chronicle", a prefeita de Santa Clara, Patricia Mahan, qualificou o massacre de "tragédia dolorosa", e pediu à comunidade para "prestar atenção aos moradores" para ajudar a "prevenir novas desgraças".

Tudo o que sabemos sobre:
TiroteioCalifórnia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.