Milhares de nacionalistas de direita israelense se manifestam em Jerusalém

Milhares de nacionalistas israelenses se manifestaram nesta terça-feira (8) em torno das muralhas da Cidade Antiga de Jerusalém para protestar contra uma possível divisão da cidade, na véspera da visita do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush.Os participantes da manifestação, predominantemente do setor da direita nacionalista, levavam bandeiras de Israel e outras douradas, que simbolizam a cor de Jerusalém, cuja divisão política entre israelenses e palestinos representa um dos pontos cruciais das atuais negociações de paz.Ativistas da extrema direita foram detidos de manhã por agentes policiais em Jerusalém após colar cartazes com imagens do presidente israelense, Shimon Peres, do primeiro-ministro, Ehud Olmert, e do próprio Bush com o lenço palestino.Os nacionalistas convocaram uma concentração no assentamento judaico de Har Homah, onde a edificação de 307 novas casas recentemente aprovada pelo Governo israelense despertou críticas dos palestinos, que consideram a medida um sério obstáculo para as negociações de paz.Na quarta-feira, dia em que Bush inicia sua visita a Israel e aos territórios palestinos, ativistas da direita israelense também devem se manifestar em frente ao Consulado dos Estados Unidos em Jerusalém.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.