Milhares de pessoas são evacuadas após explosão no Canadá

Mais de 100 bombeiros estão trabalhando para evitar a explosão de dois depósitos de propano

Efe

10 de agosto de 2008 | 13h49

Milhares de pessoas tiveram que deixar suas casas no norte de Toronto, devido à explosão de um depósito de propano na madrugada deste domingo, 10, que deixou dois feridos. Mais de 100 bombeiros estão trabalhando para evitar a explosão de dois depósitos de propano, com uma capacidade de 220 mil litros, que não foram atingidos pelo acidente. Os bombeiros ainda não sabem se os depósitos estão cheios de produto inflamável. A explosão e o incêndio que começou depois obrigaram as autoridades canadenses a fechar um trecho de 16 quilômetros de uma das estradas mais movimentadas do país, que percorre de leste a oeste o norte da cidade mais povoada do Canadá. As duas pessoas ficaram feridas devido à quebra de vidros após a explosão, que aconteceu por volta das 4h (5h de Brasília) nas instalações da companhia Sunrise Propane. Testemunhas da explosão disseram que as janelas de muitas das casas em um raio de um quilômetro quebraram. A primeira explosão, que foi seguida de mais de dez deflagrações menores, pôde ser ouvida em um raio de quase 10 quilômetros. As autoridades iniciaram a evacuação de todos os moradores em um raio de 1,6 quilômetros do local da explosão.

Tudo o que sabemos sobre:
Canadá

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.