Missão da Discovery à ISS volta a ser adiada

A expedição tem como objetivo principal completar a construção da viga central do orbitador

EFE,

07 de fevereiro de 2009 | 03h07

A Nasa, agência espacial americana, anunciou nesta sexta-feira, o adiamento, pela segunda vez, do inicio da missão da nave Discovery à Estação Espacial Internacional (ISS). Após uma revisão dos preparativos para a missão de 14 dias, as autoridades da Nasa disseram que a nave partirá só depois de 22 de fevereiro. Segundo o porta-voz da Nasa no Centro Espacial Johnson, em Houston, serão precisos alguns dias mais para completar os testes das novas válvulas instaladas no sistema do tanque externo. A expedição, durante a qual serão feitas quatro caminhadas, tem como objetivo principal completar a construção da viga central do orbitador. Além disso, os sete tripulantes do Discovery levam um conjunto final de painéis solares que completarão o sistma elétrico da ISS que, a partir deste ano, poderá abrigar seis ocupantes e duplicar a provisão de energia.

Tudo o que sabemos sobre:
NASA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.