Morte de Bin Laden é celebrada no Facebook e com venda de camisetas

'Souvenir' é vendido por US$ 15,99; nome do terrorista figura entre as palavras mais repetidas do Twitter

Estadao.com.br,

02 de maio de 2011 | 01h55

SÃO PAULO - Pouco mais de uma hora após começarem os rumores, confirmados depois pelo presidente americano, Barack Obama, do assassinato do terrorista Osama Bin Laden, foi criada no Facebook a página "Osama Bin Laden is DEAD". Até as duas primeira horas deste domingo, 2, mais de 220 mil internautas já haviam "curtido" a ideia, modo de se demonstrar aprovação por algo na página de relacionamentos.  

 

Veja também:

especialESPECIAL: Os braços da Al-Qaeda pelo mundo

blog RADAR GLOBAL: Acompanhe notícias ao vivo

blog ARQUIVO - Bin Laden, o mensageiro do terror

link Morte de Bin Laden é celebrada no Facebook e com venda de camisetas

blog ADRIANA CARRANCA: Osama Bin Laden é morto em operação americana 

linkEUA emitem alerta sobre risco de violênci 'anti-americana'  

som ESTADÃO ESPN: Ouça os correspondentes
 

Outra página ("R.I.P Osama Bin Laden. May 1st 2011") trazia uma montagem com o rosto de ex-líder da Al-Qaeda num corpo nu, em fuga, diante da Casa Branca. Instantes depois, a imagem foi trocada por outra, também com seu rosto, dizendo ser uma reprodução verdadeira de seu cadáver, em poder dos Estados Unidos.

 

Há também já quem lucre com sua morte. A camiseta com a inscrição "Bye Bye Bin Laden" está à venda na internet por U$S 15,99. E, no Twitter, como era de se prever, "Osama" figurou entre as palavras mais citadas rapidamente. A hashtag #osama já ocupa o primeiro lugar na rede mundial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.