Obama acredita que pode fechar Guantánamo até 2010

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, acredita que o prazo de 2010 para o fechamento da prisão de Guantánamo será cumprido apesar das dificuldades encontradas em realocar detentos, informou a Casa Branca na segunda-feira.

REUTERS

29 de junho de 2009 | 19h15

Questionado se o prazo ainda pode ser cumprido, o porta-voz da Casa Branca disse: "Absolutamente... acho que vocês viram progressos nas últimas semanas, principalmente com declarações da União Europeia e de países em seu desejo de compartilhar a responsabilidade de estabelecer os detentos".

Tudo o que sabemos sobre:
EUAGUANTANAMOPRAZO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.